Mesários terão “poder de polícia” em Pernambuco

  • 0

Mesários terão “poder de polícia” em Pernambuco

Category : Editorial , Notícias

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), numa ação conjunta com as polícias Federal, Militar e Civil e o Ministério Público Federal, punirá com rigor o eleitor que tumultuar as seções eleitorais e tentar praticar alguma fraude neste domingo, durante o 2º turno da eleição. Segundo o corregedor do TRE, desembargador Alexandre Pimentel, os presidentes das mesas terão o poder de polícia e autorização para fazer a prisão em flagrante, caso necessário.Ontem, a corregedoria do TRE realizou uma teleconferência com todos os juízes eleitorais e chefes de cartórios das zonas eleitorais do estado para orientar os presidentes de mesa sobre o assunto. A reunião explicando como eles devem agir no dia da eleição para efetuar as prisões em flagrante partiu da corregedoria do TRE, com base nas orientações do TSE.De acordo com o corregedor Alexandre Pimentel, as pessoas que insistirem em desrespeitar a lei ou fazer tumulto será punido. No primeiro turno das eleições, imagens e vídeos foram postados em redes sociais e em grupo de WhatsApp onde internautas aparecem com arma ao lado das urna eletrônicas, mostrando o voto em favor do candidato Jair Bolsonaro (PSL).Segundo Pimentel, o sistema eleitoral brasileiro é seguro e nunca foi detectada fraude. “O sistema já foi implantado em mais de 30 países. Ele funciona em 11 estados dos Estados Unidos, além do México. A credibilidade do nosso sistema eleitoral é total, pois é submetido a um sistema de auditoria a cada dois anos”, informou o desembargador, acrescentando que a Justiça eleitoral não vai tolerar nenhuma atitude delituosa ou atos de vandalismo. “Quem for pego poderá ser preso em flagrante”, advertiu.Via: O Povo com a Notícia

Site:Guia Pernambuco


Deixe uma Resposta

Pesquisar

Visitantes Online

Página Guia Pernambuco

julho 2021
S T Q Q S S D
« jun    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031